terça, 12 07th

Last updateQua., 01 Dez. 2021 1pm

  • Criar Conta
    *
    *
    *
    *
    *
    *

    * Campo Obrigatório.

José Luiz Tavares é o vencedor do Prémio BCA de Literatura

O poeta José Luiz Tavares, natural de Tarrafal de Santiago e residente em Portugal é o grande vencedor do Prémio BCA de Literatura, edição de 2016, uma iniciativa do BCA - Banco Comercial do Atlântico realizada em parceria com a ACL - Academia Cabo-verdianas de Letras.

Trata-se de um prémio no valor de 500.000$00 CVE (quinhentos mil escudos Cabo-Verdianos), que foi atribuído, por um Júri independente, de acordo com as regras estabelecidas no Regulamento do Prémio. 

O Premiado

O poeta José Luiz Tavares tem vários prémios, entre os quais, Prémio Revelação Cesário Verde, CMO 1999; Prémio Mário António de poesia, Fundação Calouste Gulbenkian (2004); Prémio Jorge Barbosa, da Associação de Escritores Cabo-Verdianos (2006); Prémio Pedro Cardoso, Ministério da Cultura de Cabo Verde (2009); Prémio Cidade de Ourense (2010). 

Por três vezes consecutivas, 2008, 2009, 2010, recebeu o Prémio Literatura para Todos do Ministério da Educação do Brasil. 

É autor de vários livros, entre os quais, Paraíso Apagado por um Trovão (2003); Agreste Matéria Mundo (2004); Lisbon Blues seguido de Desarmonia (2008); Cabotagem&Ressaca (2008);  Cidade do Mais antigo Nome (2009); Coração de lava (2014); Contrabando de Cinzas (2016). 

O Prémio BCA de Literatura

No seu primeiro ano de edição, concorreram ao Prémio BCA de Literatura mais de trinta obras de escritores cabo-verdianos, residentes no país e no estrangeiro tendo o resultado recaído sobre a obra "Rua antes do Céu" de José Luís Tavares.

No decorrer do evento, o BCA e a ACL assinaram uma adenda ao Protocolo celebrado a 6 de Julho de 2015, com vista à mudança do nome e do valor do Prémio, a partir de 2018.

Passando a designar-se 

Prémio Corsino Fortes

(Prémio BCA de Literatura)

E aumentando o valor do prémio para 1.000.000$00 CVE (um milhão de escudos cabo-verdianos)

"Honrar a memória de Corsino Fortes, que em vida muito fez pela literatura cabo verdeana, nada pedindo para si e, incentivar os escritores cabo verdeanos, em particular os mais jovens, a inspirarem-se na vida e obra de Corsino Fortes, poeta, político, diplomata, empresário, cabo verdeano, construtor de pontes, cidadão do mundo, são as razões da decisão de redominar o Prémio BCA de literatura e de duplicar o seu valor", disse o Presidente do BCA, António de Castro Guerra, no discurso de encerramento da cerimónia de entrega do Prémio BCA de Literatura 2016.

Está em... Home Atividade Municipal Juventude e Desporto Associativismo Sample Data-Articles José Luiz Tavares é o vencedor do Prémio BCA de Literatura
BLOG COMMENTS POWERED BY DISQUS